Casos da Jornada (17)

Braga-Sporting

7': Pediu-se penalty por falta de Adrien sobre Alan, mas penso que foi um contacto normal, o médio brasileiro é que tentou forçar a passagem.

37': Entrada muito dura de Carriço (com o joelho na coxa), a ceifar Mossoró que ia embalado para a área. Era cartão vermelho, objectivamente.

45': Novamente Mossoró em slalom a ser derrubado, desta feita por Adrien. Aqui creio que foi uma rasteira mais normal, pelo que o amarelo se revelou adequado.

62': Entrada de Miguel Veloso sobre Paulo César. Amarelo bem mostrado, até já o poderia ter visto na 1ªparte.

66': Saleiro tem uma entrada também dura, penso que seria o chamado amarelo alaranjado.

70': Filipe Oliveira faz teatro ridículo depois de a bola atirada por Grimi lhe ter batido no nariz. No entanto, pode-se considerar comportamento anti-desportivo do argentino, pelo que um amarelo não ficava mal.

90+7': No último lance do encontro, canto claríssimo a favor do Sporting, transformado por João Ferreira em pontapé de baliza.

Resultado não sofre influência.

Nacional-Porto

8': Dois erros de Carlos Xistra na mesma jogada. O primeiro, que é o que naturalmente prevalece, foi um agarrão não sancionado de Edgar sobre Fucile. O uruguaio perdeu a bola e depois comete penalty sobre o avançado.

23': Penalty por marcar a favor do Porto, por salto de Fellipe Lopes sobre as costas de Belluschi.

28': Porto a beneficiar de uma grande penalidade inexistente, com o Álvaro a provocar o contacto com o pé de Alex Bruno, que foi expulso por acumulação. Com a ressalva de que à primeira vista também me pareceu ser falta, admito o erro.

52': Nuno Pinto deveria ter visto o vermelho e não o amarelo por pontapear Fucile.

Resultado não afectado.

Benfica - Guimarães

19': Vermelho por mostrar a Leandro por ceifar Di María que ia lançado em contra-ataque. Lance semelhante ao de Carriço sobre Mossoró, aqui Elmano ficou-se por um amarelo também.

28': Penalty por marcar a favor do Benfica, com Moreno a cortar lance muito perigoso com o braço na área.

40': Saviola derrubado à entrada da área quando ia isolado para a baliza. Havia jogadores do Vitória perto mas não entre o argentino e a baliza, pelo que pela Lei penso que seria também vermelho.

45 + 3': Javi García agride Valdomiro. Penalty e expulsão directa por sancionar.

72': Carlos Martins bem expulso (acumulação de amarelos) por parar ataque do Vitória com o braço.

Resultado mantém-se também inalterado.

Classificação Ajustada da Liga

Braga 42 pontos
Benfica 40 pontos
Porto 36 pontos
Sporting 29 pontos

25 Passes de rotura:

Manú 3 de fevereiro de 2010 às 13:58  

em relaçao ao que vi, totalmente de acordo.

aqui esta mais uma prova de imparcialidade para calar muitas bocas

LMC 3 de fevereiro de 2010 às 15:13  

De notar que só o Benfica aparece (ligeiramente) favorecido.
Porque será?

Manú 3 de fevereiro de 2010 às 15:38  

porque ligeiramente favorecido?

Tomás Pipa 3 de fevereiro de 2010 às 16:03  

No jogo do SLB,quando ainda havia empate,o Javi Garcia fez um penalty claro que deveria ter dado expulsão. Seria o 1-2 e a jogar com 10. Logo, podemos considerar o benfica favorecido.

LMC 3 de fevereiro de 2010 às 16:22  

Exactamente,na liga da verdade, no máximo o Benfica tem de ter um empate neste jogo.
E o Manú que não venha com teorias que se tivesse 2-1 o Benfica certamente iria marcar dois golos porque isto não se faz assim.
Veloso se és um homem sério no futebol retiras 2 pontos ao Benfica.

LMC 3 de fevereiro de 2010 às 16:23  

E não tentes inventar penaltys e expulsões antes,porque não houveram.

João S. Barreto 3 de fevereiro de 2010 às 17:15  

houve sim. penalty na área do Guimarães por mão do Moreno (salvo erro) não foi antes?

Manú 3 de fevereiro de 2010 às 17:17  

mas perante as "regras" desta liga da verdade o benfica ganharia 3-2.

pelo que sei ficou definido que um penalty roubado seria contado como golo, e nao se pode prever o q aconteceria ou nao com o benfica a perder 2-1 e com menos um jogador. embora obviamente fosse muito dificil. mas ja muitos casos desses houve aqui nesta liga da verdade.

a começar pelo primeiro golo do porto com o nacional que nasceu dum penalty inexistente e duma expulsao falsa. quem me diz que o porto teria ganho contra 11 jogadores do nacional?


luis em relaçao a essa teoria de eu achar que o benfica marcaria mais dois golos, neste jogo acho claramente que nao como ja o disse. seria muito mais dificil pois o guimaraes tem provado ser bem mais complicado para o benfica que o nacional este ano.

Manú 3 de fevereiro de 2010 às 17:20  

alias luis, quem esta com suposiçoes aqui no meio disto tudo és tu. estás a supor que seria mais dificil para o benfica ganhar caso jogasse com menos um e se visse a perder (eu tambem acho que sim, mas nao passa de opiniao).

eu acho que nao se deveriam tirar os dois pontos ao benfica ao abrigo das regras que foram definidas para esta liga da verdade.

Luís 3 de fevereiro de 2010 às 17:36  

Antes do lance do Javi aconteceu isto:

19': Vermelho por mostrar a Leandro por ceifar Di María que ia lançado em contra-ataque. Lance semelhante ao de Carriço sobre Mossoró, aqui Elmano ficou-se por um amarelo também.

28': Penalty por marcar a favor do Benfica, com Moreno a cortar lance muito perigoso com o braço na área.


LMC e Tomás, em que é que o Benfica foi beneficiado?

LMC 3 de fevereiro de 2010 às 17:43  

Não concordo com o lance aos 19 minutos.
Portanto, como eu atrás disse, o empate seria justo.
Isto sem fazer qualquer suposição do que iria acontecer.

Veloso, tens de alterar o resultado do SLB.São as regras que tu próprio criaste.

LMC 3 de fevereiro de 2010 às 17:56  

Obviamente que faço a suposição lógica, e que vocês próprios admitiram, que o Benfica não iria marcar dois golos.
Desculpem o erro.

Manú 3 de fevereiro de 2010 às 17:58  

mas alterar para um empate porque entao luis?
para alem de supores que o benfica nao ganhava o jogo reduzido a dez e estando a perder, tambem supoes que marcava, mas so um golo. fabuloso...

as regras sao claras, ha um penalty por marcar a favor do guimaraes, atribui-se-lhes o golo e ponto final. 3-2.

e esse lance do moreno nao me estou a lembrar, mas caso seja penalty era 4-2 o resultado final segundo as regras.

luis ha erros em todos os jogos chega e olhar so pos do benfica.

nao te vi insurgir dessa maneira contra o penalty fantasma sobre o mossoro contra a academica e sobre o golo com a mao do falcao.

Manú 3 de fevereiro de 2010 às 18:01  

mas as suposiçoes nao entram para as regras luis.

alias, isto é pode parecer um lugar-comum, mas o futebol é tudo menos logico.

a suposiçao logica nao diria que angola ia sofrer 4 golos em 12 minutos nesta ultima CAN, nem que portugal ia ganhar 3-2 à inglaterra no euro'2000 depois de ter estado a perder 2-0 tao cedo. e muito menos que o sporting ia ganhar 5-3 ao benfica para a taça depois de nao ter jogado nada na primeira parte e ter ido para o descanso a perder 2-0.

tu podes dizer que o benfica nao ganhava ao guimaraes com menos um e a perder e eu posso dizer que ganhavamos 20-2 que as nossas suposiçoes valem exactamente o mesmo. daí nao entrarem para as regras

LMC 3 de fevereiro de 2010 às 18:32  

Se assim é, esta liga da verdade não tem qualquer interesse.
Existem suposições e suposições, umas mais fáceis de acontecer do que outras.Mas enfim...Se é assim que querem.

Tomás Pipa 3 de fevereiro de 2010 às 19:26  

Luís,então não lês?O Benfica foi beneficiado a não ser marcado um penalty contra si e ao ter continuado com 11 jogadores. Simples.

LMC,infezimente as regras não podem ser assim,não podemos fazer suposições.

Alfredo Barbosa 3 de fevereiro de 2010 às 21:51  

"Veloso se és um homem sério no futebol retiras 2 pontos ao Benfica."

Esta frase é do melhor que tenho lido ultimamente. Quase me vieram as lágrimas aos olhos!

Luís 3 de fevereiro de 2010 às 23:43  

"Não concordo com o lance aos 19 minutos."

LMC, não interessa se concordas ou não, regras são regras, e era penalti.

Duarte 4 de fevereiro de 2010 às 00:20  

O Pedro tem feito um trabalho quase inatacável até aqui. Peca, e isso é uma evidência, por não ter retirado dois pontos ao Benfica no jogo com o Porto. Se neste jogo com o Guimarães se pode especular que mesmo jogando com 10 e em desvantagem o Benfica teria ganho, com o FCP objectivamente o SLB faz um golo que lhe dá a vitória na sequência de um lance completamente ilegal. Portanto aí, o Benfica nunca poderia ter somado os 3 pontos como neste post lhe foram atribuídos. Foi um jogo com o Porto, por isso dou esse desconto ao Pedro, os benfiquistas raramente admitem os benefícios que têm e contra o Porto nunca o fazem, mesmo em casos indiscutíveis como este porque por muito que o Benfica até tenha jogado melhor, faz um golo que não devia ter existido ou que pelo menos não existiria daquela maneira de certeza, nem naquele minuto e não é garantido também que fosse ocorrer mais tarde.

Duarte 4 de fevereiro de 2010 às 00:23  

"mas perante as "regras" desta liga da verdade o benfica ganharia 3-2"

Ainda bem que escreves isto Manú. Neste jogo concordo, com o Porto, e perante as regras desta liga da verdade como tu dizes, o Benfica empatava 0-0. Logo, menos dois pontos para o teu clube e mais um para o meu.

Luís 4 de fevereiro de 2010 às 01:07  

Eu acho que a classificação do Braga está desajustada...

Têm sido analisados todos os jogos do Braga desde a primeira jornada?

É que naquele jogo na Madeira foi claramente beneficiado.

Pedro Veloso 4 de fevereiro de 2010 às 02:13  

Duarte obrigado pelo elogio, tenho tentado ser o mais imparcial que consigo;) A questão no jogo com o Porto foi que eu considerei que o golo do Saviola já não era o mesmo lance do fora-de-jogo, como te recordas. E houve maioria de opiniões favoráveis. Se no fim isso puder decidir o campeonato da verdade podemos fazer uma votação alargada aqui no blog.

LMC já te explicaram em cima e reitero, são os critérios que se podem ter. O que conta são golos mal anulados ou validados, penalties por marcar ou mal marcados, etc. Por isso é que o Benfica ganharia 4-2 (3-1 mais um penalty para cada lado). Mesmo que não aches que o do Moreno é, e devias achar porque é, seria 3-2, daí os 3 pontos.

Luis sim, aliás foi por causa do benefício na Madeira e num penalty contra o Belém que eu decidi começar a segui-los. E porque estavam na liderança e por isso fazia sentido. Eu tirei-lhes esses dois pontos mas depois houve um jogo - a deslocação a Vila do Conde - em que empataram e deviam ter ganho (golo do J. Tomás precedido de falta). Daí o balanço dar a pontuação que eles têm de facto.

LMC 4 de fevereiro de 2010 às 04:11  

Alfredo Barbosa, que alegria!
Até que enfim comenta um post meu, quando eu o confrontei com argumentos, escondeu-se algures e ficou calado.
Então porque é que isto lhe dá tanta vontade de rir?Diga lá...

LMC 4 de fevereiro de 2010 às 14:37  

Não me diga que já abandonou a sua função ( que cumpria exemplarmente , é um facto ) de corrigir os meus comentários?
O que é bom não dura sempre, não é verdade?

Rei Costa 4 de fevereiro de 2010 às 14:45  

alfredo é o leitor que deveria vencer o galardao de "comentarios com menos conteúdo".
é verdadeiramente ridicula a sua tendencia para se desviar de assuntos abordados nos posts e lançar picardias completamente descabidas e infantis.
está-vos no sangue tripeirada